Primitivo di Manduria - Ognissole 2005

Tinto, 100% Primitivo

País: Itália

Feudi di San Gregorio

Preço: De R$ 60 a R$ 100

No calcanhar da Bota (Itália) fica a região de Puglia, região influenciada pelo Adriático, região onde encontramos a Manuduria e seus primitivos. Vinhos de muito corpo, carga tânica elevada e longa guarda.

Temos aqui o exemplar da Feudi di San Gregorio, excelente produtor. Na taça apresentou cor rubí, ainda com reflexo violáceo e halo aquoso inexistente. Pocuas e espessas lágrimas correram pelas paredes da taça.

Os aromas apresentaram média intensidade e complexidade. O ponto alto foram as frutas negras bem maduras, lembrando geléia e o desenvilvimento dos chamados aromas secundários e terciários de couro, pimenta e café torrado.

Na boca um vinho potente mas com uma característica mais elegante. Bom equilíbrio entre álcool e acidez, o que amacia bem a boca e torna o vinho bem gastronômico. Como era de se esperar, encorpado e com boa carga tânica, grande e fina. O retro olfato trouxe o balsâmico.

Um bom vinho que acompanharía perfeitamente uma boa carne vermelha. Acho que uma picanha de forno faría uma harmonização inesquecível.

Sou fã dos primitivos... e acho que não devem nada para os badalados vinhos do norte da Itália.

Forte Abraço!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Algum comentário? Fique a vontade!

Advertência

O conteúdo deste blog é destinado a maiores de 18 anos. Seja responsável, se beber não dirija!