Queijos & Vinhos, e agora? Com que vinho eu vou?

Para mim não tem estação do ano para Queijos & Vinhos, mas admito que no inverno essa combinação se torna imperativa! Mas sempre nos passa na cabeça que vinho servir? Eis a questão! 
Numa análise simplista a melhor opção seriam os vinhos brancos e espumantes que tem acidez para suportar a gordura do queijo, mas nós sempre queremos os tintos, e a verdade é que o vinho varia com o queijo, o que acaba por tornar praticamente obrigatório servir mais de um vinho. 
Mas não precisamos ser tão inflexíveis assim. Podemos escolher um bom vinho e ser feliz, certo? Eu acredito que sim! Portanto se você estiver neste caminho, escolha um tinto de corpo médio e novo para que a acidez esteja em alta, como um bom Bonarda argentino, Merlot nacional, Pinot Noir Chileno e curta a vida! É isso que vale! 
Agora se você quer ser, digamos, um pouco mais rigoroso, e apreciar a harmonização em sua plenitude seguem algumas dicas: 
1 - Queijos de mofo branco, Brie ou Camembert, com brancos  leves e secos. 
2 - Queijos suíços, como o gruyere, clamam por tintos leves (Pinot Noir) ou brancos frutados. 
3 - Queijos mais duros como o parmesão ficam melhor com tintos encorpados ou mesmo um Porto Ruby. 
4 - Queijos de sabor suave, como gouda ou ementhal, também pedem tintos leves. 
5 - Queijo de cabra é com sauvignon blanc. 
6 - Queijos de sabor forte, como o holanda ou o cheddar, com tintos encorpados. 
7 - Se o queijo for defumado procure por vinhos de característica amadeirada. 
8 - Queijos de mofo azul, roquefort e gorgonzola, harmonizam classicamente com Sauternes, mas pode ser também com brancos de sobremesa do novo mundo ou um bom vinho madeira. 
9 - Por fim a ordem... em que ordem servir os queijos e por consequência os vinhos? Primeiro os de mofo branco e/ou cabra, depois os de sabor suave e suíços, em terceiro lugar os azuis e por último os queijos duros e os de sabor forte. 
Bom, aqui em casa não faço tudo isso, para mim é legal apreciar uma boa harmonização, mas não é mais importante que curtir os amigos, a família e o momento. Portanto sirvo os queijos de mofo branco, cabra e suaves juntos. Acompanho com damasco, pão e um bom espumante ou Sauvignon Blanc. Depois parto para os queijos duros e de sabor mais acentuado, devidamente acompanhados de salame, pão italiano e vinho tinto encorpado, normalmente italiano! 
Forte Abraço!

2 comentários:

  1. na nossao vinícola, além do queijo, pensamos servir salames também. haveria muita alteração nessas dicas?
    grato,
    antonio

    ResponderExcluir
  2. Padua,

    Com salames os tintos novos e mais encorpados são uma melhor opção. Assim sería interessante servir queijos fortes e duros para ter uma melhor harmonização...

    Forte Abraço!

    ResponderExcluir

Algum comentário? Fique a vontade!

Advertência

O conteúdo deste blog é destinado a maiores de 18 anos. Seja responsável, se beber não dirija!