Colomé Estate Malbec 2009, O #Malbec das Alturas!!! #cbe #winesofargentina


Neste mês tivemos o Malbec World Day, e a CBE recebeu o convite da Wines Of Argentina para degustarmos Malbecs variados ao longo de todo abril. 
Eu optei por este intrigante vinho de Salta, região já tradicional na produção dos melhores Torrontés argentinos. O importante em Salta é a altitude, acima dos 2.000m, com temperaturas mais amenas o frescor da uva e por consequência dos vinhos é sua potencial qualidade. 
O Colomé Estate Malbec 2009 foi produzido a partir de vinhedos que ficam entre 2.300m e 3.100m de altitude. Estagiou 12 meses em barricas francesas, 20% novas. Apesar de levar Malbec no rótulo, não é um varietal. É um corte com base de Malbec (85%), tem ainda Tannat, Cabernet Sauvigon e Syrah. 
O resultado é um vinho de coloração rubi intensa e sem reflexos. Os aromas remetem a frutas negras em geléia, pimenta negra, couro, terra molhada, chocolate, café, baunilha e uma dicreta nota de mineralidade. Um painel de ótima complexidade! O detalhe aqui é que aquele sutil floral da Malbec não dá o ar da graça. 
Na boca é um vinho que se impõe através do seu robusto corpo carregado de taninos macios e elevada acidez. Essa acidez que é resultado da altitude deixa este vinho menos doce que a maioria dos Malbecs que conhecemos, poi afinal os 14,5% de álcool estão lá! Um conjunto de maior equilíbrio portanto! No retrogosto sentimos a fruta mas tem uma interessante pegada mineral. 
Acompanhou um ragu de pernil de cordeiro que fiz numa noite de sexta-feira. Serví esse cordeiro sobre uma cama de purê de abóbora e polvilhei uma farofa de funghi por cima! Ficou bonito mas mais importante é que fez um belo par com a carne! 
Forte abraço!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Algum comentário? Fique a vontade!

Advertência

O conteúdo deste blog é destinado a maiores de 18 anos. Seja responsável, se beber não dirija!